222 085 949, 964 899 958 ou 934 961 540 - 24 horas

PROJETO SALUTEM

PROJETO SALUTEM

O Projeto Salutem consistiu na criação de ações de formação para profissionais da saúde, com vista à intervenção em rede entre os Centros de Saúde e Hospitais, Consultas e Serviços de Urgência dirigido à problemática da violência e Maus Tratos de crianças e pessoas idosas – e para a  implementação e informação necessárias, para uma resposta mais rápida, eficaz e eficiente à problemática da violência familiar/entre parceiros íntimos, entre crianças e jovens e pessoas com deficiência.

O Projeto Salutem, foi dirigido aos profissionais do setor da Saúde, com o propósito de ajudar os profissionais da Saúde a criarem o seu “fio condutor”, visando no dia a dia Sinalizar, Apoiar, Registar, Avaliar e Referenciar os atores sociais, envolvidos em situações de violência familiar/ entre parceiros íntimos, crianças, jovens e pessoas idosas, que a eles/elas recorram.

Tendo em vista a organização de cuidados mais ajustados às reais necessidades de quem sofre, pretendeu-se também com este Projecto, criar condições para num futuro próximo podermos vir a estimular e potenciar a investigação nesta área, visando a melhoria, privilegiando também uma visão de rede.

Os cursos incluídos nesta candidatura deram resposta às necessidades formativas de Prioridade Absoluta para a Tipologia de Intervenção 3.6 – Qualificação dos Profissionais da Saúde.

Curso: Violência doméstica e maus tratos de crianças e adolescentes    

Duração: 26 horas

Número de ações a ministrar: 3 ações

Conteúdo Programático:

Designação do Módulo Duração (em h)
Apresentação

– Funcionamento do Gabinete Interdisciplinar de Apoio à Criança (GIAC)
– Bolsa de especialistas do GIAC
– A sinalização e acompanhamento dos processos de violência doméstica e abuso sexual de crianças junto do GIAC e o trabalho em rede

2H
Introdução
– As crianças como pessoas titulares de direitos fundamentais (Convenção sobre os Direitos da Criança e outros instrumentos legais)
– Maus tratos de crianças e jovens – Definição de conceitos- Negligência; Maus-tratos físicos; Maus-tratos psicológicos.- Abuso Sexual; Pedofilia e Violência Doméstica.- Os efeitos psicológicos dos maus tratos nas crianças e nos jovens:

– Risco e perigo;

– A questão dos afetos.

2H
Enquadramento Legal

– Tipos legais de crime de violência doméstica, maus tratos e abuso sexual no Código Penal

– Medidas de proteção e direitos das vítimas

– Lei da violência doméstica e a lei de proteção de testemunhas

– Processos penais e processos tutelares-cíveis

3:30H
 – As crianças como vítimas diretas e indiretas de violência doméstica 2H
O Papel do Profissional de Saúde na prevenção, deteção, e proteção das crianças e jovens

– A importância da Prevenção: Educação Sexual e para a Cidadania (com crianças e nas famílias).

2H
Intervenção nos centros de saúde/USF

– Forma de atendimento

– A Avaliação

– O Diagnóstico

– A Sinalização

– A Intervenção

– O direito à informação

3:30H
Intervenção nos Hospitais

– Forma de atendimento

– Atuação ao nível dos Serviços de Urgência

– Procedimentos em caso de suspeita de maus tratos ou abuso sexual.

– Direito à informação

3:30H
Perícias médico-legais nos casos de violência doméstica nas relações de intimidade e no abuso sexual de crianças

– A perícia forense, a avaliação médico-legal e exames complementares de diagnóstico
– Sintomas de vitimação por abuso sexual

2:30H
Grávidas Adolescentes Vítimas de Maus-Tratos
– A violência intrafamiliar e a violência no namoro.- Apoio psicológico às vítimas
3H
O Papel da sociedade e a sua responsabilidade

A importância do funcionamento em rede

2H

 

Curso 2: Saúde Mental

Duração: 22 horas

Número de ações a ministrar: 3 ações

Conteúdo Programático:

Designação do Módulo Duração (em h)
Apresentação

– Funcionamento do Gabinete Interdisciplinar de Apoio à Criança (GIAC)
– Bolsa de especialistas do GIAC

– Funcionamento do Espaço Vita
– A sinalização e acompanhamento dos processos de violência doméstica e abuso sexual de crianças  junto da APC e o trabalho em rede

2H
Introdução
– Conceito de saúde e doença mental- Estigma e doença mental- Normalidade em psiquiatria
2H
– Promoção da saúde mental no ciclo vital

– Perturbações mentais mais comuns na infância e adolescência

– Perturbações mentais no adulto

– Perturbações mentais na 3.ª idade

4.30H
  • A saúde mental e as dependências

– Abuso de substâncias: alcoolismo e toxicodependências

Emergências Psiquiátricas

2.30H
O Papel do Profissional de Saúde na doença mental

– Novas perspetivas na assistência psiquiátrica: Trabalho de equipa em saúde mental

2H
Intervenção na Saúde Mental
– Psicofarmacologia e outros modelos de intervenção psicoterapêutica: terapia ocupacional, musicoterapia, balneoterapia- Reabilitação psiquiátrica
4H
Saúde Mental e vitimologia – O impacto da Violência Doméstica e do abuso Sexual

– Em crianças e jovens;

– Em grávidas;

– Em mulheres;

– Na 3ª idade.

5H

Os cursos propostos foram desenvolvidos e o projeto teve uma execução de 100%.